30 novembro 2007

No olho da rua

"Santiago, Kayser, Moa,
Agradeço o trabalho que fizemos em conjunto até agora e comunico que o JC está dispensando o serviço de vocês."

Com essa mensagem, acabou a brincadeira. No lugar da minha charge, hoje havia a foto de uma manifestação direitosa na Venezuela, acompanhada por um editorial esculhambando o Chávez. Assim, o blog talvez fique um pouco desatualizado (ainda mais), até que eu tenha vontade de desenhar novamente.

Não chega ser de todo mal. O único aspecto verdadeiramente negativo é deixar de ganhar uma merreca todos os meses. Mas, como é uma merreca, também não vai fazer tanta falta assim. Um dia, quem sabe, eu até coloco no blog uns banners do Banrisul, de prefeituras, da Assembléia Legislativa e faturo uns pilas, como todo jornalista vigarista desta cidade faz.

Pena mesmo é que eu não sou assinante do JC para poder fazer o mesmo com eles...

27 comentários:

tiago disse...

LAMENTÁVEL.

os assinantes do teu blog seguirão lendo! :)

Carlos Eduardo da Maia disse...

Uma pena, Kayser, porque você é um grande chargista.

Eugênio disse...

Meu comentário para o Diário Gauche - http://diariogauche.blogspot.com/2007/11/41-da-televiso-privada-garantido-por.html

Está aí uma amostra do quanto a nossa grande e venal mídia é "tolerante" com o contraditório. Isso me faz pensar sobre o sentido d muitas coisas q fazemos, como por ex, esse trabalho d resistência da blogosfera. Gastamos nosso tempo, energia - e no meu caso - e no de outros também - até dinheiro, já q muitas vezes atraso meu trabalho para fazer uma charge ou postar um comentário. E para que? Pro Lula nomear notáveis picaretas e canalhas para o conselho da TV pública? Para ver nossos eleitos rastejando para conseguir uma "frestinha" na grande mídia para "divulgar" o PED? Não é a toa q essa gente tá no poder a tanto tempo e ñ sairá dele tão cedo, por uma simples razão: eles sabem identificar seus inimigos estratégicos. Os nossos, fazem erráticos e melancólicos movimentos.
Sinceramente, acho q cheguei no limite da minha paciência. Provavelmente vcs ñ verão mais minhas intervenções por aqui. Como último comentário, deixo uma homenagem aos nossos camaradas, frente a mais essa derrota. No enlace abaixo, pode ser vista a charge do Santiago, censurada a dois dias atrás e q bem exemplifica o nível de intolerância d direita gaudéria.

http://grafar.blogspot.com/2007/11/charge-santiago_29.html

zealfredo disse...

Putz. Que pena, Kayser.
Mas certamente vamos te acompanhar aqui no blog. E daqui uns tempos tu lanças uma coletânea em livro.

sisqueci disse...

Cancelei minha assinatura do Correio na mesma hora em que vi uma coluna do Mendelski publicada no jornal. Estava pensando em assinar o JC, as charges de vcs eram uma referência positiva. Agora ficarei só com a internet mesmo.

el barto disse...

bah, ki chato, cara!! mas não esquenta, coisa melhor há de vir.

msilvaduarte disse...

Solidarizo-me, Kayser. Porém, perdem mais eles, pois dispensam teu talento e tua visão crítica.

Um abraço.

Sil disse...

Lamentável.
Cada dia mais tenho certeza de que fiz certo largar o curso de jornalismo.
Nesse meio só se cria cobra cascavel.
Os bons jornalistas não tem vez.

Estamos contigo, Kaiser. Teu trabalho é nota 10!!!

abraço,
sil

Hélio Sassen Paz disse...

Kayser,

O Pedro Maciel foi meu professor de Técnicas de Cinema e TV e de Telejornalismo na FABICO. A aula dele era burocrática: não havia estímulo, entusiasmo, criatividade. E nem ele se preocupava em mostrar imagens. Ficava apenas no papo, explicando como falar, como olhar para a câmera, como posicionar o corpo, como se vestir, iluminação, posição de câmera e era isso.

Não tenho idéia de como ele seja fazendo editorial, coluna ou reportagem. Disso não posso falar.

A única certeza que tenho, a partir do péssimo episódio pelo qual tu, o Santiago e o Moa estão passando, é a de que ele é um jornalista como qualquer outro, sem nada de especial. E gente que não faz a menor diferença o planeta está cheio.

O que importa é que o trabalho de vocês é bastante reconhecido e que, do lado bom da força, as portas certamente estarão sempre abertas.

Nos hablamos!

Hasta la vista!

Eduardo disse...

E os "vigaristas", royaties by Kaiser, não vão falar nada sobre o cerceamento do direito de expressão? Sobre a tão falada liberdade de imprensa? Claro que não. E a hipocrisia continua campeando no potreiro da direita. Abraços.

Vitor disse...

Caro Kayser, ainda bem que não pensaram em contar contigo para os planos futuros desse jornaleco. Teu talento é imensamente superior à sofrível qualidade daquele pasquim mercadológico. O mesmo digo dos queridos Santiago e Moa. Os três mosqueteiros, veja só, nem tinha pensado nisso... Além da piada inteligente, algo tão raro nos nossos dias, os trabalhos de vocês são um ânimo para nossa luta ingrata contra os donos do poder. Quero continuar a ver as charges de vocês, não importa onde. Aqui apenas mais um momento das suas histórias, dos seus caminhos, uma pausa para retomar o fôlego. Um grande abraço.

Miguel Grazziotin disse...

Caro Kaiyser
Ser dispensado do JC é coisa pra colocar em currículo..
Deixa estes reacionarios que vivem dos restos da ZH e só se encontra em balcao de loja de material de construçao e eletrica....
Um abraço

sueli halfen ( POA) disse...

Agradeço ao MOA,SANTIAGO e KAYSER por terem ACEITADO A DEMISSÃO SEM ÓDIOS E NEM RESSENTIMENTOS à direção e aos colegas do jc.Vão em PAZ...
Vcs, caros chargistas,já alcançaram a famosa e enexorável,5ª DIMENSÃO à qual ninguém mais quer voltar à 3ª (nossa atual) ,pois lá, na 5ªo pessoal é DE VIBRAÇÃO E CRIATIVIDADE MUITO ALTA!!!

VCS SÂO MESTRES CHARGISTAS ASCENCIONADOS ATRAVÉS DO RAIO VIOLETA !!!

autor : Mestre EL MORYA do RAIO VIOLETA - psicografado por Sueli, mui simpatizando do tal RAIO VIOLETA !

abraço Kaiser...

Sueli - Porto Alegre / RS disse...

OPS...esqueci de dizer que um dos males do mundo é o Apego exagerado à mudança.

E ,isso, queridos,comprova que vcs estão fora do círculo do mal !

Desapegaram-se dos altos salários...

VIVA O RAIO VIOLETA !!!

autor : EL MORYA , psicografado By Sueli

abraços... e o caviar, acho, tava fazendo mal mesmo...acho que dava gases cerebrais...

Sueli - Porto Alegre / RS disse...

OPS...esqueci mais uma coisinha :

Nada como um bom pé na bunda prá gente ir em frente...

autor : eu...não foi psicografado.

Sueli - Porto Alegre / RS disse...

Pro MAIA :

dia histórico na tua vida :
--- ACHO QUE 99.99% DAS PESSOAS ,hoje
concordam CONTIGO !!!

ABRAÇO SUELI

Kayser disse...

Pô, Sueli! O humorista aqui sou eu! Altos salários? Fala sério! Juntando os três, dava um salariozinho meia-boca! hehehe! Abração e obrigado pela força! Aliás, MUITO OBRIGADO a todos pela força!

Guga Türck disse...

Kayser, camarada, não tava na cara que isso ia acontecer mais cedo ou mais tarde?!

Solidariedade, compas!!!

Abração e seguimos!

Rodrigo Cardia disse...

Kayser: também lamento não ser assinante do JC para poder fazer o mesmo com eles...
Foi realmente a vitória do mau humor: trocaram tua charge por um editorial provavelmente raivoso. Aliás, nosso Estado, com toda essa turma de direita no governo, anda cada vez mais mau-humorado... Teu blog é um dos espaços onde o bom humor resiste, por isso sou "leitor fiel".

Abraços

Claudia Cardoso disse...

Oi, Kayser! Este episódio colocou em pauta a CENSURA pós-fim da ditadura. Depois dos milicos, vieram os donos das empresas de mídia com seus departamentos comerciais impondo a pauta juntos. Cai por terra o conceito generalizado de que temos liberdade de imprensa neste país. Mais, de que estas empresas de comunicação têm compromisso com a responsabilidade social na informação, chegando ao cúmulo de desrespeitarem seu próprio público com informação e entretenimento cada vez mais putrefatos. Perdem vcs a merreca; perdem o público informação de qualidade. Depois, os jornalecos se queixam da diminuição das vendas e das assinaturas e da perda da credibilidade! Uns cara-de-paus!!!

Anônimo disse...

Olá Kayser, Moa e Santiago, o trabalho de vocês está acima desses mercenários.
Segue um verso do saudoso Gonzaguinha que sempre recordo quando atravesso momentos difíceis:

"....Outros outubros virão, outras manhãs, cheias de sol e de luz....."

um abraço e boa sorte!!!!!

até a vitória
Carmelita

Hals disse...

Acho que, pegando o gancho da Sueli, acima, devemos mandar o JC para o raio violeta que o parta! A mídia gaudéria deu, provavelmente, a derradeira estreitada de visão. Abraços, Hals.

el barto disse...

qdo vi a noticia, pensei que que o prbs tinha comprado esse jornaleco de 5a...

Dani Hammes disse...

E o problema é a falta de democracia da Venezuela. Solidariedade do povo pelotense. www.radiocom.org.br

Jens disse...

FDP'S!!!

Guilherme Mallet disse...

Kayser,

Não se abata. Sem querer apelar, mas vejo nessa situação a típica "ditadura do capital", quem tem manda, quem não tem obedece.

Nesse caso, parabéns por desobedecer.

Um abraço.

Paulo Renato disse...

A censura continua. Passamos por uma ditadura militar, quando a constituição foi rasgada e o arbítrio instalado. Pessoas foram presas, torturadas e mortas. Professores, intelectuais, políticos, foram demitidos, cassados, banidos, exilados. Filmes, livros, peças de teatro, músicas, espetáculos, foram proibidos. Lutamos e morremos para fazer desse país uma democracia. Mas muitos ainda pensam e agem como se os generais dessem as ordens. São os capitães-do-mato, feitores de escravos, 'coronéis' da mídia e tantos outros que perseguem e aniquilam aqueles que ousam pensar diferente.

O Jornal do Comércio de Porto Alegre, ao demitir seus premiados chargistas, reconhecidos como entre os melhores do país, escreve mais uma página negra na História do Brasil.

Talvez alguns agora entendam porque muitos reclamam da ditadura imposta pelos barões da imprensa e pedem alguma forma de controle público sobre os meios de comunicação social. Não é possível que meia dúzia de pessoas, apenas porque são os donos das empresas jornalísticas, decidam o que a população brasileira pode saber. Isso sim que é uma brutal concentração de poder e uma forma perversa de CENSURA.